Current track

Title

Artist

Jards Macalé completa 80 anos com a lucidez de poucos

Written by on 3 de março de 2023

Jards Macalé – divulgação

Completando 80 anos de muita vida e música neste 03 de março, Jards Anet da Silva, mais conhecido como Jards Macalé, segue mais produtivo do que nunca.

O ator, cantor, músico e compositor brasileiro está presente no cenário cultural desde a década de 1960. Nascido na Tijuca, cresceu mergulhado na música, absorvendo os batuques do samba, sendo vizinho de Vicente Celestino e Gilda Abreu.

Ao fazer amizade com Vinicius de Moraes e Grande Otelo, sendo presença constante na Churrascaria Pirajá, em Ipanema, Jards começou a adquirir notoriedade,começando a carreira profissional em 1965.

Jards Macalé fez a direção musical dos primeiros shows solo de Maria Bethânia, tendo composições sido gravadas por Elisete Cardoso e Nara Leão.

Ainda naqueles tempos, criou a agência Tropicarte, para administrar a gestão dos seus próprios espetáculos, junto a Gal Costa, Paulinho da Viola e José Carlos Capinam.

Jards Macalé – divulgação

Foi convidado para ir à Londres, por Caetano Veloso, que na época, estava exilado por conta da ditadura militar vigente no Brasil. Em 1972 lançou seu primeiro disco, Jards Macalé, em formato de power trio.

Como sua verve permite várias faces, participou como ator e compositor da trilha de vários filmes como O Amuleto de Ogum e Tenda dos Milagres, de Nelson Pereira dos Santos.

Também compôs para as trilhas sonoras de Macunaíma de Joaquim Pedro de Andrade, O Dragão da Maldade contra o Santo Guerreiro, de Glauber Rocha, A Rainha Diaba, de Antônio Carlos Fontoura, Se segura, malandro!, de Hugo Carvana e Getúlio Vargas, documentário de Ana Carolina, além de espetáculos de teatro.

É de autoria de Macalé canções como “Vapor Barato“, “Anjo Exterminado“, “Mal Secreto“, “Movimento dos Barcos“, “Rua Real Grandeza“, “Hotel das Estrelas“, “Poema da Rosa“. Além de Capinam, Waly Salomão, Duda Machado e Torquato Neto, teve como parceiros musicais importantes nomes como Naná Vasconcelos, Xico Chaves, Jorge Mautner, Glauber Rocha, Abel Silva, Vinícius de Morais, Fausto Nilo e Itamar Assumpção.

Mais recentemente, participou do disco “Ao Redor do Precipício“, de Roberto Frejat, na canção “E Você Diz“, dele, Frejat e Luiz Melodia. Um dos nomes mais importantes da cultura brasileira, Macalé chega aos 80 com a lucidez de sempre e arrancando aplausos por onde passa. Viva Macalé!


Reader's opinions

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *



Current track

Title

Artist